5 Motivos para ter uma loja online em 2018




A internet está a ganhar cada vez mais preponderância no comércio europeu e Portugal não é exceção, apesar de a sua relevância ser inferior quando comparada com outros países.

Segundo dados da E-commerce Foundation, o volume de vendas realizadas na internet em 2017 cresceu 12,5% em Portugal para €4,73 mil milhões. Neste momento, diz a consultora imobiliária Worx num estudo que cita os dados da E-Commerce Foundation, dois em cada três portugueses fazem compras online.

Vistos estes dados, de que espera para criar a sua loja online? Já não estamos a falar de futuro, estamos a falar de presente, e da sua concorrência já estar em canais nos quais a sua marca ainda não está.

Vejamos 5 bons motivos que o farão ponderar criar a sua loja online.

 

1 – ALCANÇAR MAIS PESSOAS QUE UMA LOJA FISICA

 

Segundo o estudo da E-commerce Foundation, em 2017, o número de vendas online cresceu 12,5% e atingiu um volume de faturação de quase €5 Milhões. Consegue imaginar quanto crescerá em 2018?

 

Para atingir os milhões de pessoas alcançadas, já pensou o que teria de gastar se só tivesse uma loja física? Uma loja online quebra todas essas barreiras e permite-lhe uma coisa fantástica: alcançar clientes que nunca poderia alcançar com uma loja física.

 

2 – INVESTIMENTO MENOR QUE UMA NOVA LOJA FÍSICA

 

Quando um empreendedor pensa em crescer e fazer rentabilizar o seu negócio, pensará em abrir novas filiais e expandir o seu negócio o mais possível. É uma estratégia lógica, porém acarretará custos que nem todas as “carteiras” poderão pagar e não é garante de sucesso a curto e médio prazo.

Abrindo uma loja online, haveriam vários custos dos quais se livraria, nomeadamente: aluguer, trabalhadores, impostos, decoração, limpeza, energia, entre outras coisas.

Naturalmente, a loja online também trará custos, mas sempre inferiores aos de uma loja física e com a possibilidade de operar a uma escala globar, pois não há barreiras para o online.

 

3 – DAR COMODIDADE AOS CLIENTES VIRTUAIS

 

Há já várias pesquisas que mostram que quem compra pela internet o faz pela comodidade: não precisam sair do local onde estão, e podem efetuar a compra à hora que quiserem e como quiserem: o horário em que mais há transações é entre as 12h e as 14h, curiosamente durante o horário de almoço de grande parte das pessoas em Portugal.

Este dado é sintomático de algo que não pode passar despercebido: a loja física pode ter um ótimo desempenho local, porém ignorar este comportamento de compra fará com que se percam clientes.

 

4 – ABERTO 24 HORAS

 

Um comportamento interessante que temos vindo a estudar ultimamente sao as pesquisas de pessoas que compram durante a madrugada.

Um estudo divulgado pela Google informou que um terço das buscas com intenção de compra ocorrem entre  22h e 4h. Isso demonstra que as pessoas querem consumir produtos mesmo em horários que as lojas físicas estão fechadas – mas as online estão abertas.

 

5 – A SUA CONCORRÊNCIA ESTÁ ONLINE TAMBÉM

 

O número de lojas online em Portugal tem vindo, com naturalidade, a aumentar ano após ano, independentemente da área de negócio.

Já pensou que os seus potenciais concorrentes já podem estar no mercado online? E que se demorar a lá chegar e concorrer com eles eles se irão tornar autoridades?

Talvez o seu concorrente local ainda não esta online, mas com a quebra de barreiras que abordamos no ponto 1, não tardará a ele estar lá também!

Pense bem: qualquer loja online pode “roubar” os seus concorrentes da loja física. Não perca mais tempo, não perca mais oportunidades de fazer o seu negócio crescer.

Ficou com dúvidas? Então fale conosco, adoraríamos ajuda-lo!


Em que lhe podemos ser úteis?
Necessita de um orçamento?
Tem alguma dúvida?

Estamos inteiramente disponíveis para o ajudar.