Headless Commerce

Headless Commerce

Headless Commerce

O Headless commerce é uma solução de comércio eletrónico que geralmente armazena, gere e entrega conteúdo. Consiste na separação dos componentes backend e frontend e na sua transformação em duas plataformas distintas de forma a serem trabalhadas de forma independente. 

Nesta solução, o frontend que geralmente é denominado de head (cabeça) e que na maioria das vezes corresponde a um template ou tema, diz respeito à interface onde o consumidor interage, é separado do backend que corresponde à camada operacional, daí a denominação de Headless (sem cabeça). Futuramente, estas componentes são integradas através de APIs, ou seja, interfaces de programação de aplicativos. 

Para melhor compreensão, o Backend representa a parte da programação do sistema, por outras palavras é o que faz com que a plataforma exista. Normalmente os programadores utilizam linguagem de programação JAVA e PHP (entre outras linguagens) para a configuração. Algumas funcionalidades do Backend são: segurança, catálogos, inventário, checkouts, gestão de encomendas e devoluções, e a principal funcionalidade é armazenar e processar informação.  Já o Frontend corresponde ao que os consumidores veem, a parte estética. Controla o layout e o design da página e implica a utilização de linguagem HTML e CSS e ainda a presença de um designer. Por fim, as APIs, que permitem a integração destas duas partes previamente separadas, permitem gerar instruções para desenvolver, aceder e integrar softwares de aplicações de terceiros, de forma a que todas as aplicações recebam toda a informação necessária.

O Headless Commerce facilita a apresentação de conteúdo ao cliente porque desta forma é possível separar o conteúdo que o consumidor final irá visualizar do conteúdo do sistema, tornando possível um melhor desempenho de cada área. Com esta solução, é possível providenciar uma solução mais direcionada e personalizada para cada cliente. Por exemplo, a página que o cliente vê, está separada da página de processos de encomendas (carrinho de compras), inventário, pagamentos e envio. 

Como funciona o Headless Commerce?

O cliente está a navegar na frontend, quer seja num computador, num telemóvel ou numa app, clica no botão de compra e o sistema envia uma chamada API para processar a encomenda no backend. 

Quais os principais benefícios do Headless Commerce?

A possibilidade de criar um template do zero é um benefício pois desta forma não existe a necessidade ou obrigação de seguir uma estrutura, tornando possível personalizá-la a gosto sem ter de seguir uma estrutura já definida. 

A liberdade para experimentar e fazer testes em partes específicas é também um benefício pois não prejudica as operações no backend ou até mesmo a necessidade de fechar todo o website para manutenção.

Uma vez que as equipas têm a possibilidade de trabalhar em simultâneo, o desenvolvimento torna-se muito mais eficiente, mais rápido e mais ágil, não obrigando a testar todas as alterações e facilitando a inserção de interfaces. 

O backend e o frontend podem ser escalados separadamente, o que é uma mais valia sendo que um não afeta o outro. 

Por fim, num cenário Headless, existe a facilidade de adicionar novos pontos de contacto sem a preocupação sobre a manutenção. 

O mais importante é a experiência do consumidor pois é onde as oportunidades de negócios estão. A melhoria contínua e a constante procura por novas tecnologias e novas integrações, são o que tornam a inovação possível para todos os negócios.

 

Últimos Insights: